Escolha uma Página

Artistas | Adriano Mangiavacchi

anterior proximo

Trabalhos

Currículo

Nascido em Roma, em 1941.​ Foi marcado pelo figurativo de Sironi, mas atraído pelo abstrato de Vedova, custaria a encontrar o próprio caminho. Em 1960, briga com Roma. Deixa para trás a preguiça do clima romano, da burocracia, das igrejas e vai para Milão, industrial, cosmopolita, moderna, onde assimilará o gosto pelo urbano.​

Tentando um ponto de equilíbrio entre a pintura e “La civiltá delle macchine”, trabalha na Alfa Romeo e estuda pintura na Academia de Brera.​ Em Milão, experimenta o sabor da boêmia quando abre um atelier de pintura perto do Duomo. Vive a paixão e a humildade dos “pintores de fim de semana” quando organiza um círculo de pintores operários.

Em 1970, vem para o Brasil à procura de um mundo diferente e encontra um Adriano diferente. Constitui família, trabalha por longos como engenheiro, quase esquece a pintura até conhecer Luiz Áquila, em 1975, quando passa a frequentar o seu curso de pintura, em Petrópolis. Áquila lhe mostra quanto Adriano é mais pintor do que engenheiro.

Em 1980, Adriano assume de fato a pintura. Frequenta o Atêlier Livre de Armação e ingressa no grupo de Paulo Garcez, com o qual aprende a disciplina de trabalho, a procura da linguagem, a postura crítica. Recomeça por onde havia deixado dez anos antes: pelo urbano. Só que, desta vez, com força total.

 

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

2016 – “Anéis no Rio”, Galeria Patrícia Costa, Rio de Janeiro
2013 – “Quando a Moda Encontra a Arte”, Galeria Patrícia Costa, Rio de Janeiro
2010 – Galeria Marcia Barrozo do Amaral, Rio de Janeiro
2007 – “Primeira Mostra Virtual”, Galeria Marcia Barrozo do Amaral, Rio de Janeiro
2000 – Galleria Amici dell’Arte di Brissago, Locarno, Suíça
1999 – “Il ritratto come anticonvenzione”, Studio S Arte Contemporanea, Roma
1997 – “Retratos / retratos”, Instituto Cultural Villa Maurina, Rio de Janeiro
1995 – “Onze anjos onze”, Paço Imperial, Rio de Janeiro
1995 – Galerie Collis Art International, Lausanne, Suiça
1994 – “Poética urbana em tempo de eleições”, Instituto Cultural Villa Maurina, RJ
1993 – Galerie Collis Art International, Lausanne, Suiça
1992 – Galeria Saramenha, Rio de Janeiro
1988 – Galeria Saramenha, Rio de Janeiro
1986 – Galeria Saramenha, Rio de Janeiro
1982 – “Eroticon”, Galeria Artes Visuais, Parque Lage, Rio de Janeiro

 

EXPOSIÇÕES COLETIVAS

2010 – “Arquivo Geral”, Centro Cultural Helio Oiticica, Rio de Janeiro
2007 – Coleção Gilberto Chateaubriand, MAM, Rio de Janeiro
2005 – “Múltipla Escolha”, Galeria Alegria Vinhaes, Rio de Janeiro
2003 – “Arte Atemporal”, Centro Cultural Correios, Rio de Janeiro
2001 – “Pintura a Pinceladas”, Museu Imperial de Petropolis
2000 – “Confrontations”, Galerie Collis, Lausanne,Suiça
2000 – Galleria Cá D’Oro, Roma, Italia
1999 – Galleria La Vetrata, Roma, Italia
1999 – Galleria Il Bulino, Roma, Italia
1998 – Prima Biennale d’Italia d’Arte Contemporanea, Palazzo Lucarini, Trevi, Italia
1997 – 2º Prêmio Trevi Flash Art Museum, Trevi, Italia
1994 – “Sob o signo de Gêmeos”, Galeria Saramenha, Rio de Janeiro
1993 – “O papel do Rio”, Paço Imperial, Rio de Janeiro
1992 – “A caminho de Niterói”, Paço Imperial, Rio de Janeiro
1992 – “Avenida Central”, Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro
1991 – “15 anos”, Galeria Saramenha, Rio de Janeiro
1991 – “Processo nº 738.765-2”, EAV Parque Lage, Rio de Janeiro
1989 – Galerie de l’Espace Latino Americain, Paris
1989 – Galeria Tina Zappoli, Porto Alegre
1989 – Galeria Saramenha, Rio de Janeiro
1989 – “4 Abstratos”, Galeria Oscar Seraphico, Brasilia
1989 – “Pintura Contemporânea Brasileira”, Galeria Oscar Seraphico, Brasilia
1988 – 6º Salão Paulista de Arte Contemporânea, São Paulo
1987 –  XIX Salão Nacional de Arte, Belo Horizonte
1987 – Salão de Arte Contemporânea de Pernambuco, Recife
1987 – 44º Salão Paranaense, Curitiba
1987 – 5º Salão Paulista de Arte Contemporânea, São Paulo
1986 – 9º Salão Nacional de Artes Plásticas, Sudeste, Belo Horizonte
1985 – “Rio de Cor nos Muros”, Parque Lage, Rio de Janeiro
1985 – “Rostos”, Galeria Espaço, Rio de Janeiro
1985 – “Ao mestre com pintura”, EAV Parque Lage, Rio de Janeiro
1985 – “Fotografismo”, FUNARTE, Rio de Janeiro
1985 – “Tendência da Arte Brasileira”, Universidade Gama Filho, RJ
1985 – 3º Salão Paulista de Arte Contemporânea, São Paulo
1985 – 9º Salão Carioca de Arte, Rio de Janeiro
1984 – 7º Salão Nacional de Artes Plásticas, Rio de Janeiro
1982 – 6º Salão Carioca de Arte, Rio de Janeiro
1982 – 5º Salão Nacional de Artes Plásticas, Rio de Janeiro
1981 – 38º Salão Paranaense, Curitiba
1981 – 4º Salão Nacional de Artes Plásticas, Rio de Janeiro

 

ALGUMAS PREMIAÇÕES

 

1997 – 2º Prêmio Trevi Flash Art Museum, Trevi, 1997, Italia
1985 – Prêmio Pintura, 9º Salão Carioca de Arte, 1985, Rio de Janeiro
1967 – 1° Prêmio Pintura Salão Nacional ENAL, “Arte nel tempo libero”,1967, Milão
1965 – 1º Prêmio Pintura “Cesano Maderno”, 1965, Milão

anterior proximo

Pin It on Pinterest

Share This